Serão 38 municípios contemplados com o equipamento de segurança, que soma mais de 600 câmeras espalhadas pelas regiões do Estado. O investimento, de acordo com o governador Camilo Santana, é de R$ 18 milhões, exceto os gastos com manutenção. “Não é só implantar a câmera, e sim uma central de monitoramento. Isso intimida o assaltante, principalmente, em pontos estratégicos da cidade. Isso faz parte de todo um plano de segurança pública do Estado”, explicou o chefe do Executivo.

Os municípios que serão atendidos com a nova ferramenta são: Aquiraz, Caucaia, Cascavel, Eusébio, Horizonte, Maracanaú, Maranguape, Pacajus, Beberibe, Pacatuba, Juazeiro do Norte, Barbalha, Crato, Icó, Iguatu, Quixadá, Aracati, Morada Nova, Quixeramobim, Baturité, Limoeiro do Norte, Russas, Sobral, Acaraú, Camocim, Itapajé, São Benedito, Trairi, Granja, Itapipoca, Viçosa do Ceará, Tianguá, Canindé, Tauá, Boa Viagem, Crateús, Acopiara e Fortaleza.